psique e suas nuances

psique e suas nuances

quinta-feira, 3 de setembro de 2015

Parcerias!



Nas parcerias afetivas, o equilíbrio é fundamental para a harmonia desse relacionamento. Mas, como estar equilibrado num relacionamento! Bem, é evidente que a primeira coisa é estar bem com a gente mesmo, para estarmos disponível para nos relacionarmos com as pessoas e termos em vista que a paixão e amor é um sentimento que se desenvolve em bases sólidas e não baseados em fantasias ou nas expectativas que nós criamos acerca das nossas parcerias. Que as expectativas geradas por outrem é problema dele e não nossa e que nós, não podemos caber nela, o que o outro criou através da imaginação é tão efêmero, tão imaginário que nem ele poderia atingir, seria como desejar ver Deus nesse momento, ou ter como parceiro O Super-Homem, ou A Cinderela, que são personagens fictícios de contos de fadas é mais ou menos isso que ocorre quando uma pessoa nos diz, mas não foi isso que eu esperava de você, ou então, eu achava que você fosse diferente... Bem gente, isso faz parte do enamoramento, daquele processo em que nós estávamos ali para mostrarmos o melhor de nós para o outro e não foi uma mentira, apenas mostramos o que temos de melhor, o outro imagina o que quer e esse problema não é nosso. Mas daí muitas pessoas embarcam nessa, de tentar suprir as necessidades da pessoa que ama, e me lembro de muito bem de culturas populares que uma pessoa pode se quiser destruir outra e não é bem, mas na tentativa de serem o mantenedor do relacionamento, muitas pessoas gastam o que não tem e perdem o norte delas mesmas, inclusive rompendo com famílias por uma paixão. Pessoas assim são possessivas e seus relacionamentos são doentios.
- Faça terapia.
- Você não vai conseguir entrar na fantasia do outro.
- O outro vai embora e certamente, precisará de terapia, mas não fará.

- Se trate, fique bem.